Viva Rio Celebra Dia de Orgulho SUS

A técnica de enfermagem Neuci Resende, 34 anos, aferia a pressão de populares na Praça Copérnico, na Pavuna, zona Norte do Rio, com especial prazer nesta segunda-feira (21). “Apesar de muitas reclamações, tenho orgulho de trabalhar no SUS (Sistema Único de Saúde) e estamos aqui para mostrar nosso serviço”, afirmou satisfeita a técnica da Clínica da Família (CF) Epitácio Soares Reis, no mesmo bairro.

Vitor Madeira_Viva Rio (16)

A técnica de enfermagem Neuci Resende em ação | Foto: Vitor Madeira

Neuci foi uma das participantes das ações promovidas na segunda edição do Dia do Orgulho SUS, o 21 de março, data criada pelo Conselho Municipal de Saúde inspirada em uma ação iniciada na Inglaterra, o Change Day. A campanha faz parte de um movimento global e voluntário pelos sistemas de saúde, para marcar o compromisso de cada um e ajudar a tornar a saúde pública ainda melhor.

A Praça Copérnico sediou uma das iniciativas mais abrangentes da data no município, com quatro barracas decoradas com bolas coloridas. Enquanto Neuci tirava a pressão dos que passavam, Joseane Julião, da Clínica Municipal de Saúde (CMS) Silvio Brauner, em Coelho Neto, e Cristiane Souza, da CF Manoel Fernandes de Araújo, no Chapadão, que atuam nas Brinquedotecas das unidades de saúde, davam especial atenção às crianças. “Promovemos saúde através de atividades lúdicas com os pequenos”, disse Joseane, que distribuiu fantoches, tintas para pintura corporal e desenhos em preto e branco para os pequenos colorirem.

Vitor Madeira_Viva Rio (5)

Joseana Julião levou aos pequenos material lúdico da Brinquedoteca | Foto: Votor Madeira

Uma delas era Andressa, 8 anos, que pintou com cores vivas o desenho do mosquito aedes aegypt, transmissor da dengue, zica e chicungunia. “Minha professora está com dengue e já sei que temos de deixar as caixas d’água bem fechadas para não criar mosquitos”, disse a menina, compenetrada. Já Christiane Souza trouxe balas, pirulitos e guloseimas para a criançada. “Também ensinamos a elas práticas de higiene bucal e lembramos às mamães a importância de manter o calendário de vacinação em dia”, explicou.

Vitor Madeira_Viva Rio (10)

Andressa coloriu o mosquito Aedes Aegypti e fez um coração no rosto|Foto: Vitor Madeira

Camisinhas masculinas e femininas

 Na barraca ao lado, cinco jovens RAP (Rede de Adolescentes Promotores de Saúde) distribuíam camisinhas masculinas e femininas aos que passavam pela praça. “Essa é uma de nossas ações para promover saúde entre os jovens. Mesmo aos que não se interessam, lembramos que as camisinhas podem ser úteis para seus amigos e familiares”, observou Jéssica Fideles, dinamizadora do grupo, 24 anos.

Vitor Madeira_Viva Rio (12)

Jéssica Fideles distribuiu camisinhas masculinas e femininas entre os jovens|Foto: Vitor Madeira

A saúde da mulher, com kits e informações sobre dengue, zica e amamentação, era o tema da barraca onde quatro funcionárias do CMS Portos e Quitandas, em Costa Barros, atendiam o público feminino. Mais alternativa, uma quarta barraca atraía uma fila de interessados nas sessões de shiatsu e auriculoterapia, técnica de diagnóstico e tratamento baseada no pavilhão auricular para ansiedade e depressão.

Vitor Madeira_Viva Rio (4)

A barraca alternativa com fila para o shiatsu e a auriculoterapia | Foto: Vitor Madeira

A Campanha pelo Orgulho SUS, organizada pela secretaria Municipal de Saúde, incluiu o compartilhamento de fotos com a hashtag #orgulhosus nas redes sociais; a realização de ações nas unidades de saúde, como a da Praça Copérnico; a divulgação nas redes sociais dessas ações e da importância do Orgulho SUS e um twittaço neste dia 21 com a hashtag #orgulhosus, para incentivar profissionais de saúde e usuários da rede a se engajarem no movimento.

(Texto: Celina Côrtes| Foto: Vitor Madeira)

 

 

Postado em Notícias na tag .