Ilha do Governador ganha UPA Pediátrica

Josiana dos Santos, 34 anos, estava radiante com a inauguração da UPA Pediátrica 24H Ilha do Governador, realizada na manhã desta quarta-feira (04). Moradora do vizinho Morro do Dendê, mãe de oito filhos, ela participou do evento com os três caçulas, Maria Luisa, 8, Lívia, 4 e Artur Gabriel, 2, que recebeu o diagnóstico, naquela mesma unidade, de um enfisema pulmonar: “Estou adorando, minha família será a primeira a ser atendida”, comemorou.

Josaiana

Josiana dos Santos com os três caçulas de seus oito filhos|Foto: Paulo Barros

Em sua fala, o secretário estadual de Saúde, Luiz Antônio de Souza Teixeira Junior, observou que neste momento de reestruturação financeira, “a secretaria assume o compromisso de fazer mais com menos, mais esforço, mais carinho e também mais dificuldades”.

secretário

O secretário estadual de Saúde, Luiz Antônio de Souza Teixeira Junior| Foto: Paulo Barros

 

O diretor executivo do Viva Rio – instituição que co-gere a unidade com o Estado -, Rubem César Fernandes, aproveitou para fazer um apelo: “Aqui na Ilha existem seis Clínicas da Família (CFs) e é importante que as lideranças locais orientem os moradores. Mais de 80% dos atendimentos das UPAs, que recebem as emergências, poderiam ser encaminhados às CFs.”

Rubem

Rubem César apelou pela prioridade às Clínicas da Família| Foto: Paulo Barros

Uma profusão de cores, do azul claro ao salmão, passando pelo verde água e amarelo bebê, promoveu uma metamorfose no ambiente onde predominava o ascético branco. Uma brinquedoteca recheada de atrações está entre as mudanças mais aparentes, a fim de criar um ambiente lúdico para a unidade pediátrica. Entre os novos equipamentos está uma incubadora para acolher os bebês prematuros.

A reinauguração aconteceu antes do prazo de 45 dias previsto e, segundo o secretário de Saúde, São Pedro D’Aldeia, na Região dos Lagos, vai sediar a próxima UPA Pediátrica do Estado. Na Ilha do Governador, a expectativa é atender de 200 a 300 crianças por dia. Antes, quando a unidade também recebia adultos, este volume não passava de 150 atendimentos diários.  Os antigos frequentadores, porém, não reconheceram o novo espaço, totalmente remodelado.

Casulo do Dendê

Vinte crianças da Creche Casulo do Dendê, comunidade vizinha à UPA, se esbaldaram na inauguração. Brincaram, tomaram lanche e participaram das atividades infantis organizadas no evento. “Achei excelente separar os adultos dos pequenos, até por questões de contaminação”, avaliou a mantenedora Fernanda Araújo, que acompanhava os pequenos.

UPA Creche

Fernanda Araújo, entre as crianças da Creche Casulo do Dendê | Foto: Paulo Barros

 

Mestre de cerimônias do evento, o ex-presidente da Cedae, Wagner Vícter, morador da Ilha e presidente da Fundação da Escola Técnica (Faetec), lembrou que a UPA da Ilha foi uma das primeiras do Rio e acrescentou: “vai ter fila pedindo transferência para a unidade pediátrica”. No que depender da recém criada linha de ônibus de Vilar dos Teles, com ponto na porta da UPA, a profecia de Vícter tem tudo para virar realidade.

UPA Victer

Wagner Vícter prevê fila na porta da nova unidade pediátrica| Foto: Paulo Barros

O atendimento nos plantões de segunda a sexta-feira será feito por quatro pediatras durante o dia e três à noite, número que cai para três durante o dia nos finais de semana e serão mantidos os três no período noturno. A equipe de enfermagem será composta por seis técnicos enfermeiros, duas enfermeiras, um diarista enfermeiro e um coordenador de enfermagem. “A ênfase foi na contratação de pessoas que tivessem experiência em pediatria”, conclui Raquel Nonato, coordenadora geral da enfermagem.

(Texto: Celina Côrtes|Fotos: Paulo Barros)

 

Postado em Notícias na tag .