Celebração do Dia da Luta das Pessoas com Deficiência inclui visita a museu e debate

O dia 21 de setembro foi escolhido para reforçar a importância da discussão de propostas e políticas públicas em prol das pessoas com deficiência. Por isso foi instituído o Dia Nacional de Luta das Pessoas com Deficiência, data criada pelo ativista de movimentos sociais Cândido Pinto de Melo em 1982 e oficializada pela Lei nº 11.133, em 14 de julho de 2005. Para celebrar a data e ajudar a promover essa conscientização, o Viva Rio Eficiente levou, em parceria com o Museu do Amanhã, um grupo de dança inclusiva para assistir a um filme sobre inclusão.

Alunos no Museu do Amanhã

O grupo de dança é formado por alunos com diferentes tipos de deficiência e organizado pela Roseli, que é educadora física da Clínica da Família Manoel Fernandes. Os alunos assistiram o filme “Um dia especial”, que fala sobre mães de pessoas com deficiência. Eles também participaram de um bate papo com o diretor, Yuri Amorim. “Fomos muito bem recebidos no museu e todos gostaram muito do filme. A parceria com o Museu do Amanhã foi muito bacana, esperamos fazer mais visitas e proporcionar mais ações de inclusão como essa”, destacou Maíra Cabral, coordenadora do Viva Rio Eficiente.

De acordo com o Censo 2010, mais de 45 milhões de brasileiros possuem hoje pelo menos um tipo de deficiência, representando quase um quarto da população. O Viva Rio entende a importância de incentivar essa inclusão, por isso criou em 2014 o projeto Viva Rio Eficiente que atua em duas principais frentes: inclusão no mercado de trabalho e ações filantrópicas. As ações desenvolvidas pelo Viva Rio Eficiente buscam garantir a autonomia e a inclusão social, fortalecendo uma visão de sociedade acolhedora da diversidade.

Segundo a Supervisora do Viva Rio Eficiente, Laís Araújo, o projeto tem como missão promover diferentes iniciativas para que as Pessoas com Deficiência desenvolvam seu potencial como membros ativos da sociedade, superando quaisquer estigmas e preconceitos. “Encaramos a deficiência como uma característica do indivíduo que constrói singularidade e reforça a diversidade. Assim, o Viva Rio Eficiente busca desenvolver a autonomia e promover inclusão social e igualdade de oportunidades para pessoas com deficiência. O programa ajuda a recrutar pessoas com deficiência para vagas nos projetos do Viva Rio e promove ações que estimulam respeito e tolerância, minimizando todo tipo de discriminação”, afirmou Lais.

Postado em Notícias na tag , , .